Pão de Queijo Congelado

Vancouver – Canadá

Chegamos bem!

15 Comentários

Olá Pessoal,

Fazia um bom tempinho que eu não aparecia por aqui, mas agora prometo postar sempre. Bem, estou escrevendo para relatar nosso primeiro contato com a tão sonhada Vancouver. Os vôos foram tranqüilos, quase todos sem atraso algum. O único em que tivemos que esperar um pouquinho foi o Uberlândia/São Paulo, por causa do mau tempo.

Chegando ao aeroporto de Vancouver, compramos um cartão telefônico para ligar para nossos pais. Entretanto, não conseguimos falar com ninguém, dava sempre um sinal de ocupado. AH! Abro aqui um parêntese. No aeroporto de Toronto os carrinhos para carregar malas são pagos (CAD 2,00 cada). Perguntamos para uma senhora onde teríamos que despachar as malas para o vôo Toronto/Vancouver e nos pareceu longe. Assim, decidimos gastar nossos primeiros CAD 4,00. DICA: não faça isso! É um trecho muito pequeno. Fazer o que… é vivendo e aprendendo 🙂

O próximo passo foi ligar para o trabalho da nossa “host mother” para que ela pudesse nos esperar em casa. Desta vez… secretária eletrônica. Decidimos ir para casa mesmo assim. Pegamos um taxi e o valor do aeroporto até nossa homestay foi de CAD 35,00. Estou falando sobre valores para que as pessoas que ainda estão por vir tenham noção do que poderão gastar. Abro aqui outro parêntese. A maioria dos taxistas é indiano, ou pakistanês ou de algum país do oriente médio. Não dá para não dizer que não deu medo! Sério! Um camarada beeeeeem no estilo Ozama Bin Laden. Sabe aquele sujeito com um turbante bem grande e uma barba que nunca foi feita na vida toda? Pois é… este foi o nosso taxista. O pior de tudo que o maluco foi o caminho TODO conversando no celular (obviamente não segurando o celular, mas usando aqueles kits estilo headset) em algum idioma totalmente incompreensível. Eu ficava pensando: “o que que este camarada tanto fala ao celular?” Enfim, chegamos vivos.

O problema foi que não tinha ninguém em casa. Tentei encontrar uma rede wi-fi “aberta”, mas não obtive sucesso. Vi então uma senhora sentada na porta de sua casa. Fui até ela, expliquei a situação e ela, gentilmente, me emprestou o celular para ligar novamente para o trabalho da Jane (nossa “host mother”). Detalhe: após descer do taxi e constatar que não havia ninguém em casa, pedi o telefone emprestado para o taxista. Mais uma vez, caiu na secretária. Voltando à senhora que encontrei perto de casa, após discar para o trabalho da Jane, não precisa nem falar, né?! Isso mesmo… secretária eletrônica. Depois de hesitar duas vezes, nesta terceira não tive outra opção, tive que deixar um recado no local de trabalho dela. Não havia o que fazer. Agradeci a senhora, ativei um software de rastreamento de redes wi-fi e continuei minha busca. Quando encontrei (não demorou mais do que 5 minutos), o Eduard (“host father”) chegou. Ele disse que ouviu o recado e veio logo para casa. Foi aí que descobri: ele é o proprietário de uma loja que vende doces e chocolates. Eu sei… chocolaaaates!!!

A primeira coisa que ele fez foi nos mostrar a casa. Logo em seguida, já nos passou uma cópia da porta da frente e minutos a seguir, nos deu de presente uma caixa com… chocolates! Ainda não comemos, mas depois contamos se são gostosos. A aparência é ótima J Ele nos convidou para conhecer a loja e, ao mesmo tempo, a Jane que lá estava. Aceitamos prontamente e em 5 minutos chegamos a Schokolade. É uma lojinha bem charmosa e bem arrumadinha. A Jane parece, assim como o Eduard, ser uma ótima pessoa. Ele é mais contido, ela é bem extrovertida e alegre.

Depois de nossa visita à loja de chocolates, fomos a uma farmácia comprar remédios para gripe pois o narizinho (bem, não só o narizinho :)) da Mila começou a sentir a diferença de temperatura. Por fim, fomos ao centro pagar por nossa estadia com a família Suter. Amanhã vamos acordar cedo e começar resolver a parte inicial e burocrática da vida de um recém imigrante canadense.

É isso aí… ficou meio grandinho o post, mas queria contar alguns detalhes de como foi nosso primeiro dia no Canadá. Grande abraço e até a próxima.

Anúncios

15 pensamentos sobre “Chegamos bem!

  1. Legal saber que tudo correu bem, agora, voce não precisa mais de sorte ;). Estamos aí acompanhando seu RoadMap!!
    Abraços pra vocês!
    BrOno e Camila.

    Curtir

  2. Legal!

    Mas essa parada aí de taxista do Oriente Médio assusta, hein?! Cuidado, gente! Se fosse eu, só andaria a pé em Vancouver. XD

    Abraços.

    Curtir

  3. Sejam bem vindos!
    Que Deus abençoe a adaptação de vcs aqui.
    Qualquer coisa tamo por aqui.

    Bjim Neuzinha

    Curtir

  4. Que bom Bruno, fico aqui torcendo e rezando por vocês.

    Não fica sem dar notícias mesmo, principalmente agora no início que estão começando a estabilizar neh, arrumar casa etc…

    Abração 😀

    Curtir

  5. Muito bom saber que tudo correu bem na viagem e que nossa vizinhança aqui na terrinha já aumentou.

    Como disse a Neuzinha se precisarem de algo estamos por aqui.

    Bem vindos !!!!

    Curtir

  6. Oi Mila e Bruno, parabéns por mais esta conquista
    Abraços

    Ana Cláudia, Gustavo, Suelma e Cláudio

    Curtir

  7. Falaaaa Velhim !!
    Bom saber que vcs chegaram em paz !
    Ficamos esperando a ligação de vcs, mas como vc mesmo disse não deu pra ligar :/
    Tira umas fotos ai … de tudo principalmente dos carros … hahahaha zuera !

    mas é isso ai, bom saber que está tudo em ordem !
    Abraços !

    P2

    Curtir

  8. Oieeee…saudades!!! Mas q bom q chegaram bem!!!
    Hehehe…tem q tirar fotinhas p nós….rsrs…
    Brunoooooooo….cuida direitonho da minha maninha…. : ) brincadeirinha…sei q cuida 😉
    bjusssssssssssss

    Curtir

  9. Revivi minha vinda lendo o post, aeroporto de Uberlândia…Que bom que chegaram bem, dica a galera aqui adora secretaria eletronica, isso mesmo deixe recados, eu particulamete odeio deixar recado. Qualquer coisa entrem em contato. Abraço

    Curtir

  10. Oiiiiiiii!!!
    Que bom que está tudo bem!… Vou sentir saudades mas estou bastante feliz por estarem dando um passo tão legal na vida de vocês. Sucesso! Bjim.

    Curtir

  11. Ei Bruno… ei Mila……… que bom que chegaram bem.. affffffff… nem chegaram direito e já altas aventuras heim?rs…
    Hum…adorei a parte do chocolate…rs… ai ai ai… tô esperando um pra mim heim? kkkkkkkkk
    Beijao… se cuidem e tudo de bom pra vcs ta?

    Curtir

  12. Hum…chocolate….gostei dessa parte!
    Bemvindos a Vancouver!
    QQ coisa que precisarem, entrem em contato!
    Abraçao

    Curtir

  13. Que legal este negócio de blog hem?!!! gostei!!!
    então vcs chegaram bem, isto é o que importa…
    Não se assustem com a aparência dos taxistas, são todos assim mesmo: indianos, arabes, haitianos… qdo cheguei aí a primeira vez tbm me assustei… fiquei num bairro que tinha muito indiano. A gente se acostuma rapidinho com esta mistura de raças, eu até gosto muito disto, acho muito interessante…
    Felicidades pra vcs e continuem dando notícias!!!
    Bjin

    Curtir

  14. ain primaa, mais q bom q ja chegaram bem sim ! agoraa é só se adaptar ao pais né ! Tudo de bom p vcs, !
    Ahh siim, quando comprar a camera tirem bastante fotinhas p gnt ver !!
    Beijos
    Saudades
    Amooo

    Curtir

  15. Cai aqui de para-quedas e gostei muito do blog. So uma dica: esses 2 dolares que vc paga pra pegar o carrinho no aeroporto vc recebe de volta quando coloca o carrinho de volta em qualquer “estacao” dentro do aeroporto!…rs.. Tem muita gente que pega os carrinhos soltos aeroporto a fora e vao la devolver so pra pegar o dindin dos desavisados..rs..
    Desulpe a falta de acentos…esse teclado desconfigurado…
    Boa sorte!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s